quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Família vive em situação de extrema pobreza em povoado a 50 km de São Raimundo das Mangabeiras

A família foi encontrada depois que a PM estava atras de um jovem infrator
(Crédito foto: Divulgação/Polícia Militar)

A Polícia Militar de São Raimundo das Mangabeiras foi acionada nesta segunda-feira (06) sobre roubos e furtos que vinham acontecendo no povoado Vale Verde nas proximidades de Mangabeiras.

Ao chegarem no local o solicitante informou aos policiais que um jovem estaria dando dor de cabeças aos moradores do povoado realizando furtos no local o mesmo é conhecido da polícia militar, e ao realizar furtos na cidade de Balsas e região o infrator foge para casa dos pais nas proximidades do povoado Torre.

Diante das informações o solicitante se propôs a levar os policiais até a casa desse jovem infrator que fica em mata fechada a 50 km de Mangabeiras, ao chegar no local os policiais se depararam com uma família de 10 pessoas numa situação de pobreza extrema, o Sr. Sebastião dos Santos Silva e a Dona Maria Raimunda Moura e seus 12 filhos, com idade de 1 a 10 anos moram em uma casa coberta por uma lona e paredes de palha e lona.

O Sr. Sebastião e a Dona Maria são analfabetos, não recebem o programa social bolsa família corretamente, as crianças dormem no chão forrado com uma lona, a casa tem apenas uma rede de dormir, duas cadeiras e não tinha o que comer. 

Nem todas as crianças estão na escola, o jovem infrator é um dos 12 filhos e tem 16 anos e não estava na casa dos pais, que é considerado perigoso.

Os policiais retornaram a casa do Sr. Sebastião levando alimentos e suprimentos básicos, doados pelos mesmo e por um comerciante de Mangabeiras, o Conselho Tutelar também estiveram no local e doaram roubas e alguns utensílios. 

O Conselho Tutelar de Mangabeiras está tomando as devidas providencias, será regularizado o bolsa família, o Ministério Público deve ser acionado para tomar as diligências para que esta família seja atendida e retirada dessa situação de pobreza extrema.

Em tempo: Aos interessados em fazer doação, deixar no Quartel da Polícia Militar de São Raimundo das Mangabeiras.

Diário de Balsas