quarta-feira, 30 de novembro de 2016

LULA: ELES SABEM QUE, NA VOLTA DO PT, NÓS VAMOS FAZER MUITO MAIS

Ricardo Stuckert / Instituto Lula

Lula afirmou que, quando assumiu a presidência da República, em 2002, o PT tinha 11% de preferência do eleitorado nacional e que, em 2010, quando ele saiu, o número era de 32%; "Hoje, depois de dez anos de massacre, ainda estamos em 13%, com o dobro do segundo colocado", diz ele; segundo ele, os ataques se devem ao conservadorismo de uma elite que se incomodou com a ascensão social dos mais pobres e a perda de privilégios; assista um trecho

247 – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu uma entrevista ao jornalista argentino Roberto Navarro e disse que, "na volta do PT ao governo, nós vamos fazer muito mais".

Lula afirmou que, quando assumiu a presidência da República, em 2002, o PT tinha 11% de preferência do eleitorado nacional e que, em 2010, quando ele saiu, o número era de 32%.

"Hoje, depois de dez anos de massacre, ainda estamos em 13%, com o dobro do segundo colocado", diz ele.

Segundo ele, os ataques se devem ao conservadorismo de uma elite que se incomodou com a ascensão social dos mais pobres e a perda de privilégios.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Luto! (Clique - veja e ouça)

CLUBES PAULISTAS VÃO EMPRESTAR, SEM ÔNUS, JOGADORES PARA CHAPECOENSE

Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos anunciaram, por meio de nota oficial conjunta, que vão emprestar gratuitamente jogadores para a Chapecoense para as disputas da temporada do próximo ano; "Mesmo cientes dos prejuízos irreparáveis provocados por este terrível acontecimento [o acidente aéreo], os clubes entendem que o momento é de união, apoio e auxílio a Chapecoense", diz a nota; eles anunciaram que pretendem solicitar formalmente à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que não rebaixe a Chapecoense no Campeonato Brasileiro nas próximas três temporadas

Elaine Patricia Cruz, da Agência Brasil - Os quatro grandes clubes de futebol de São Paulo - Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos - anunciaram, por meio de nota oficial conjunta, que vão emprestar gratuitamente jogadores para a Chapecoense para as disputas da temporada do próximo ano.

Além disso, os clubes anunciaram que pretendem solicitar formalmente à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que não rebaixe a Chapecoense no Campeonato Brasileiro nas próximas três temporadas.

"Mesmo cientes dos prejuízos irreparáveis provocados por este terrível acontecimento [o acidente aéreo], os clubes entendem que o momento é de união, apoio e auxílio a Chapecoense", diz a nota dos quatro clubes, publicada nos sites oficiais de todos eles na tarde de hoje.

"Trata-se de gesto mínimo de solidariedade que se encontra ao nosso alcance neste momento, mas dotado do mais sincero objetivo de reconstrução desta instituição e de parte do futebol brasileiro que fora perdida hoje", acrescentam.

Na nota, os clubes também lamentaram a tragédia. "Neste momento de perda e de profunda tristeza, nós, presidentes dos clubes brasileiros que publicam essa nota, gostaríamos de manifestar nossos mais sinceros sentimentos de pesar e solidariedade à Associação Chapecoense de Futebol e seus torcedores, e em especial às famílias e amigos dos atletas, comissão técnica e dirigentes envolvidos na tragédia ocorrida na madrugada desta terça-feira (29)".

Procurada pela Agência Brasil, a assessoria de imprensa da CBF não foi encontrada para comentar a proposta dos clubes.

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Bomba! Empresário delata à PF participação de Ricardo Murad no esquema da Saúde

Resultado de imagem para Ricardo Murad

Segundo empresário, a mando de Ricardo Murad, um subalterno ligava para o instituto informando qual empresa iria prestar o serviço.


O ex-secretário de Saúde do governo Roseana Sarney, Ricardo Jorge Murad, foi delatado à Superintendência da Polícia Federal do Maranhão como o responsável direto pela escolha das empresas que seriam contratadas, sem licitação, para prestaram serviços ao Estado no período em que ele comandava a pasta.

Em depoimento obtido com exclusividade pelo Blog do Neto Ferreira, o empresário Emílio Borges Resende delata Murad para o delegado responsável pelas investigações, Wedson Caje Lopes.

O empresário afirma em seu depoimento concedida à Polícia Federal no dia 9 de outubro – durante segunda fase da Operação Sermão aos Peixes (denominada de Operação Abscôndito e Voadores) -, que “em alguns casos, a mando de Ricardo Murad, um subalterno dele simplesmente ligava para a unidade hospitalar e ao instituto responsável informando qual empresa iria prestar o serviço e determinava a contratação”.

“O acerto sobre qual empresa iria prestar serviço em determinado hospital era decidido diretamente por Ricardo Murad“, diz um trecho do depoimento bombástico, que levou os investigadores a intensificar as apurações sobre Murad.

O dono do instituto especificou que o ex-secretário de Saúde era a pessoa que dava a “palavra final” em todos os assuntos mais relevantes, não apenas na empresa COBRA, como em todas as empresas que prestavam serviços à Bem Viver.

Emílio é um dos diretores da Associação Bem Viver e dono do Centro de Oncologia Brasileiro (COBRA). Ele já foi preso duas vezes por integrar o esquema criminoso que desviou milhões dos cofres públicos da saúde do Maranhão.

Em contato com a reportagem, a assessoria de Ricardo Murad disse que ele não se manifestaria.

Veja nas imagens abaixo o depoimento:



Entenda o caso

Na época da gestão de Ricardo Murad, a saúde pública estadual era terceirizada. Ao passar a atividade para entes privados, o gestor teria fugido dos controles da “Lei de Licitação”, empregando profissionais sem concurso público e contratando empresas sem licitação.

No período de investigação, os recursos destinados pela União ao Fundo Estadual de Saúde do Maranhão por meio do Ministério da Saúde foram de R$ 2 bilhões.

O nome da operação é alusivo ao sermão do Padre Antônio Vieira que, em 1654, falou sobre como a terra estava corrupta, censurando seus colonos com severidade. Foi realizada em conjunto com a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Ministério Público Federal (MPF).

Do Blog do Neto Ferreira

domingo, 27 de novembro de 2016

Prefeito de Formosa da Serra Negra abandona a administração da cidade


Carro da Prefeitura Municipal de Formosa da Serra Negra com peças roubadas

O atual Prefeito de Formosa da Serra Negra, cidade que fica localizada na Região do Alto Grajaú, Edmilson Santos(PSDB), depois que perdeu as eleições em outubro próximo passado abandonou de vez a gestão da cidade, deixando o patrimônio público municipal ser depredado e roubado a luz do dia.

Carro da Prefeitura Municipal de Formosa da Serra Negra com peças roubadas

Segundo o advogado José Joaquim Reis, irmão do prefeito eleito de Formosa da Serra Negra Dr. Janes Clei, a situação do maquinário  e dos veículos da prefeitura da cidade sob a responsabilidade de Edmilson Santos é de fazer pena com o nível de depredação, abandono e roubo de peças, pneus e baterias deste patrimônio público. José Joaquim Reis, nas redes sociais,  chama atenção para as responsabilidades do gestor de Formosa da Serra Negra do patrimônio público e faz uma ameaça dura contra os desmandos sucessivos do prefeito da cidade em todas as áreas da gestão municipal.

Carro da Prefeitura Municipal de Formosa da Serra Negra com peças roubadas e depredado

A denúncia contra o Prefeito Edmilson Santos:


Do Blog Bate Tuntum

GOVERNO ENTREGA 50 QUILÔMETROS DE ASFALTO


Os municípios da Região Tocantina - Imperatriz, Davinópolis, Amarante e Açailândia, são alguns dos beneficiados com a recuperação e pavimentação de vias urbanas do Programa Mais Asfalto, executado pelo Governo do Estado; são 50 quilômetros de asfalto, só este ano, beneficiando 363.295 habitantes; no total, o Programa já atendeu 28 municípios, pavimentou 335 quilômetros e investiu R$ 79 milhões.

Por Marrapa.com - Imperatriz, Davinópolis, Amarante e Açailândia estão entre os municípios da Região Tocantina beneficiados com a recuperação e pavimentação de vias urbanas do Programa Mais Asfalto, executado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra).

São 50 quilômetros de asfalto, só este ano, beneficiando 363.295 habitantes. A dona de casa Lenir Pereira, de Açailândia, é uma das moradoras que, agora, pode colocar cadeiras para sentar em frente a sua casa porque o asfalto chegou. “Antes, aqui, só tinha lama e buraco. Quando os carros passavam, jogavam lama na parede e em quem estava na calçada. Isso não tem mais, posso sentar tranquila na porta de casa”, conta.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto, são histórias como essa que motivam o Governo do Estado a continuar trabalhando. “O Mais Asfalto ajuda os municípios a melhorarem a mobilidade urbana trazendo mais qualidade de vida aos moradores, fazendo com que serviços essenciais que não chegavam aos bairros por causa do difícil acesso, agora beneficiem as comunidades como a rondas policiais, a visita dos agentes de saúde, a coleta do lixo, o transporte coletivo e outros”.

Em Imperatriz, foram 15 quilômetros, com investimento de R$ 6 milhões que contemplou bairros como Santa Rita, Parque Anhanguera, Bacuri, Santa Inês e Parque Sanharol. Em Davinópolis, são quatro quilômetros, distribuídos entre e Centro e Santo Amaro, onde foi aplicado R$ 1,8 milhão.

Em Amarante são 10 quilômetros de pavimentação nas vilas São José, Ribamar, Kennedy e Rosinha, o que representa um investimento de R$ 3,3 milhões. Outro município contemplado foi Açailândia, com 21 quilômetros, no Centro, Jardim de Alá, Bom Jardim e Jacu, sendo investidos R$ 13,9 milhões. Além do asfalto, as cidades receberam meio-fio, sarjeta e drenagem nos pontos necessários. Este ano, o Programa Mais Asfalto contemplou 28 municípios, com 335 quilômetros de pavimentação – um investimento de R$ 79 milhões.

MARANHÃO TEM REDUÇÃO NO NÚMERO DE DESEMPREGADOS


Os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que o desemprego diminuiu no Maranhão em outubro na comparação com setembro; de acordo com os dados foram desativados no estado 410 postos de trabalho contra 1.598 em setembro; indústria de Transformação foi o setor que mais contribuiu para o saldo negativo, enquanto a Agropecuária teve o melhor saldo positivo.

Por Maranhão Hoje - Os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira (24) pelo Ministério do Trabalho e Previdência mostram que o desemprego diminuiu no Maranhão em outubro na comparação com setembro.

De acordo com os dados do Caged, foram desativados mês passado no estado 410 postos de trabalho contra 1.598 em setembro. Indústria de Transformação foi o setor que mais contribuiu para o saldo negativo, pois foram fechados 1.442 empregos, enquanto a Agropecuária teve o melhor saldo positivo, com 533 empregos preservados.

Com o desempenho de outubro, o acumulado de desemprego no ano, que em setembro era de 12.149, caiu para 10.752, enquanto nos 12 meses, isto é, de outubro de 2015 a outubro deste ano, passou para 20.731.

De acordo com a estatística, no mês de outubro foram admitidas 10.888 pessoas no Maranhão e as demissões somaram 11.298, gerando o saldo de -410. De janeiro a outubro, as admissões somaram 129.666, contudo 140.418 trabalhadores foram desligados de seus empregos, gerando uma massa de 10.752 desempregados. Já nos últimos 12 meses foram 153.354 admissões contra 174.085 demissões, ou seja, saldo de -20.731.

Veja o desempenho por setor no mês de outubro:

Extrativa Mineral: 07 
Indústria de Transformação: -1.442 
Serviços Industriais de Utilidade Pública (SIUP): -1 
Construção Civil: -293 
Comércio: 449 
Serviços: 331 
Administração Pública: 06 
Agropecuária: 533 
Total: -410

No Brasil, a perda de empregos foi de 74.748 vagas abaixo da registrada em outubro de 2015, quando houve fechamento de 169.131 vagas. No acumulado do ano, o Caged contabiliza 751.816 postos a menos. Nos últimos 12 meses, o país acumula 1,5 milhão de postos de trabalho suprimidos.

Os setores que tiveram as maiores perdas de vagas formais foram construção civil (-33.517 postos), serviços (-30.316 postos) e agricultura (-12.508 postos). Apenas o setor do comércio apresentou saldo positivo no mês passado, com criação de 12.946 postos de trabalho. A indústria da transformação, que havia apresentado saldo positivo em agosto e setembro, fechou 5.562 vagas em outubro.

As perdas mais significativas de vagas foram registradas em São Paulo (-21.995 postos) e no Rio de Janeiro (-20.563). As unidades da Federação que mais geraram empregos foram Alagoas (5.832), Rio Grande do Sul (2.386), Sergipe (1.932 postos) e Santa Catarina (1.267 vagas).

Divulgado desde 1992, o Caged apura o estoque de vagas formais de emprego no país calculando a diferença entre contratações e demissões. Os dados são levantados com base em declarações enviadas pelos empregadores ao Ministério do Trabalho.

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

GOVERNO RECEBERÁ RECURSOS CONTRA SECA


O Ministério da Integração Nacional autorizou o repasse e a transferência de R$ 468 mil ao Governo do Maranhão para a realização de operação carro-pipa em oito municípios afetados pela seca; mais de 73 mil pessoas serão beneficiadas com a circulação de 13 caminhões em Chapadinha, Formosa de Serra Negra, Paraibano, Pastos Bons, São João dos Patos, Sítio Novo e Tufilândia, cidades com situação de emergência reconhecida

Por Maranhão Hoje - O Ministério da Integração Nacional autorizou o repasse e a transferência de R$ 468 mil ao Governo do Maranhão para a realização de operação carro-pipa em oito municípios afetados pela seca. Aproximadamente 73,5 mil pessoas serão atendidas com a circulação de 13 caminhões em Chapadinha, Formosa de Serra Negra, Paraibano, Pastos Bons, São João dos Patos, Sítio Novo e Tufilândia, cidades com situação de emergência reconhecida pelo Governo Federal. A autorização foi publicada em portaria no Diário Oficial da União, nesta quarta-feira (23).

A ação visa restabelecer o atendimento de regiões onde os sistemas de abastecimento de água foram comprometidos após um longo período sem chuvas. O repasse de recursos emergenciais foi autorizado pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) após análise do Plano de Trabalho apresentado pelo Governo do Estado.

O investimento é proveniente de Medida Provisória do Governo Federal, publicada em agosto deste ano, que destinou R$ 789,9 milhões para ações emergenciais promovidas pela Defesa Civil Nacional. Desse total, mais de R$ 260 milhões são direcionados exclusivamente às ações de mitigação dos efeitos da seca na região semiárida do país.

As medidas de enfrentamento e mitigação dos efeitos da seca são complementares às ações dos estados e municípios.

Eis a íntegra da portaria:

GABINETE DO MINISTRO
PORTARIA Nº 425, DE 21 DE NOVEMBRO DE 2016

Autoriza empenho e transferência de recursos para ações de Defesa Civil ao Governo do Estado do Maranhão

O MINISTRO DE ESTADO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 87, parágrafo único, inciso IV da Constituição, e tendo em vista o disposto na Lei nº 12.340, de 01 de dezembro de 2010, Lei n" 12.608, de 10 de abril de 2012 e no Decreto n" 7.257, de 04 de agosto de 2010, resolve:

Art. 1° Autorizar o empenho e repasse de recursos ao Governo do Estado do Maranhão, no valor de R$ 468.000,00 (quatrocentos e sessenta e oito mil reais), para a execução de ações de Resposta, conforme processo nº 59204.006957/2016-91.

Art. 2º Os recursos financeiros serão empenhados a título de Transferência Obrigatória, conforme legislação vigente, observando a classificação orçamentária: PT: 06.182.2040.22BO.6503; 
Natureza de Despesa: 3.3.30.41; Fonte: 0300; UG: 530012.

Art. 3° Considerando a natureza e o volume de ações a serem implementadas, o prazo de execução das obras e serviços é de 180 dias, a partir da publicação desta portaria no Diário Oficial da União - D.O.U.

Art. 4º A utilização, pelo ente beneficiário, dos recursos transferidos está vinculada exclusivamente à execução das ações especificadas no art. 1° desta Portaria.

Art. 5º O proponente deverá apresentar prestação de contas final no prazo de 30 dias a partir do término da vigência, nos termos do Art. 14 do Decreto nº 7.257, de 4 de agosto de 2010.

Art. 6º Esta Portaria entra em vigor na data da publicação.

HELDER BARBALHO

terça-feira, 22 de novembro de 2016

ECOS DA CIRANDA

Os primeiros acordes deste baião forem emitidos há 40 anos. Em 1976, pedi ao jovem poeta Paulo Machado que me organizasse uma pequena coletânea com poemas de autores piauienses. Em curto espaço de tempo, Paulo entregou-me os originais de Ciranda. Com todas as dificuldades imagináveis e mais algumas, publicamos o livrinho, impresso em mimeógrafo e capa colada com grude. A despeito da pobreza material do livro, o lançamento foi um estrondoso sucesso: toda a edição (800 exemplares) vendeu-se na noite do lançamento, num show memorável (Cenas Piauienses – o Rio) no Theatro 4 de Setembro.

Na mesma linha, fizemos: Aviso Prévio; Descartável; O Rio; Mão Dupla e, finalmente, Baião de Todos, em 1996. Ao longo desses 40 anos, editamos praticamente todos os autores piauienses de expressão, de Da costa e Silva a Elias Paz e Silva. Mas, como editor, sempre priorizamos os trabalhos coletivos, atento aos versos de Cabral: “Um galo sozinho não tece uma manhã”.Quatro décadas, numa terra onde tudo é transitório, não é pouco tempo. Ao longo dessa jornada lírica, muita coisa aconteceu: alguns companheiros ficaram pelo caminho; outros se encantaram. Permaneceu, contudo, a crença no poder da palavra e a paixão pela poesia.

Na organização desta coletânea, tomamos como ponto de partida os autores que começaram a publicar seus textos a partir da década de 1970, daí a ausência de figuras do porte de H. Dobal, Mário Faustino, Torquato Neto, entre outros. Convidamos os poetas, e cada um escolheu o que lhe pareceu mais adequado.

A nota mais gratificante deste novo baião é o aumento significativo do número de mulheres: na primeira edição eram apenas quatro; agora são doze. Não tenho dúvida: as mulheres salvarão a terra.

Por oportuno, uma explicação: por mais abrangente que seja uma coletânea, sempre ficarão de fora alguns autores que se sentirão “injustiçados”. Organizar coletâneas é correr o risco de desagradar. De qualquer forma, na publicação deste livro não entrou um centavo do dinheiro público. Não poderão, portanto, acusar-nos de estar usando o dinheiro do contribuinte para homenagear os “compadres”. Ao baião antes que a “indesejada’ nos estrague a festa.

Cineas Santos

Anexos escolares da rede estadual de ensino não funcionam deste de agosto em Formosa da Serra Negra

Anexo da Rede Estadual  de Ensino no Povoado Limpeza em Formosa da Serra Negra sem aulas por falta de professores
Enquanto a mídia oficial tenta vender um quadro positivo da educação estadual no Maranhão em diversos povoados de cidades interioranas do Estado os anexos escolares vivem uma situação grave de abandono e falta de professores prejudicando centenas de alunos destas comunidades pobres.

Em Formosa da Serra Negra, cidade da região do Alto Grajaú, a situação do abandono dos anexos escolares da Rede Estadual é gravíssima e podem levar centenas de alunos dos Povoados Limpeza, Soara, Porto  Sibil e Varjota a perderem o ano letivo de 2016 por falta de professores desde o início do segundo semestre.


Segundo o depoimento do Professor José Mário dos Santos Gomes que ministrava aulas no Anexo Escolar do C.E. Antônio Sirley de Arruda Lima  no Povoado Limpeza de Formosa da Serra Negra a situação chega a nível do absurdo e falta de compromisso com as comunidades rurais do Estado: "Estamos sem aula desde de o segundo semestre de 2016, pois encerrou o contrato. E foi realizado um seletivo em setembro para o preenchimento das vagas em todo o estado do Maranhão o resultado foi homologado em outubro e assinatura para os contras nos dias 31/10, 01 e 03 de novembro e foi assinado o contrato de 3 professores sendo que a necessidade do 4 anexo do Município de Formosa da Serra Negra passa de 20 professores, estamos até esta data sem solução para assinar os contratos e assim poder da prosseguimento nas aulas que tá pondo em risco os alunos perderem o ano letivo de 2016, sendo que desde de o início do ano letivo tem algumas disciplinas que nunca tiveram aulas nos anexo Porto Sibil, Soara e Varjota por falta de professores."

O Portal do Alto Grajaú soube que os anexos escolares da rede estadual tem funcionado nos povoados em prédios do município através da colaboração entre os dois entes federados, cabendo ao Sistema Estadual de Ensino a contratação de professores para ministrarem as aulas o que não vem sendo feito na atual administração. Com a palavra o Governador do Estado e o seu Secretário de Educação.

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

População e vereadores barram doação irregular de maquinários da Prefeitura de Formosa da Serra Negra


População na Câmara de Vereadores de Formosa da Serra Negra contra projeto do prefeito derrotado Edmilson Santos
Há aproximadamente 45(quarenta e cinco) dias da posse do novo Prefeito de Formosa da Serra Negra, Dr. Janes Clei, a Câmara de Vereadores da cidade tentou, na manhã desta sexta-feira(18), fazer a doação irregular de maquinários da Prefeitura Municipal para um Associação Rural composta de simpatizantes do atual gestor Edmilson Santos, candidato derrotado nas últimas eleições.

Segundo informações que chegaram de Formosa da Serra Negra, na sessão de hoje(18), a maioria da população da cidade participou ativamente contra o projeto do prefeito no recinto da Câmara de Vereadores, cobrando de todos os edis que votassem contra mais este ato ilícito de Edmilson Santos.
 Vereadores de Formosa da Serra Negra contra projeto do prefeito derrotado Edmilson Santos

Na sessão desta sexta-feira(18) da Câmara de Vereadores de Formosa da Serra Negra, a vereadora Geralda de oposição foi contra a manobra do Prefeito Edmilson Santos ao afirmar que no apagar das luzes de uma administração falida,  o gestor da cidade encaminhava um projeto de lei doando maquinários do poder público para uma instituição privada apenas para dificultar a próxima gestão e que era um verdadeiro atentado contra o povo do município, afirmou a vereadora.
 Vereadores de Formosa da Serra Negra contra projeto do prefeito derrotado Edmilson Santos
Com a presença da população, dos vereadores de oposição e de alguns edis  aliados do próprio prefeito, o Presidente da Câmara de Vereadores de Formosa da Serra Negra foi forçado a adiar o projeto inconstitucional  de autoria de Edmilson Santos para o próximo dia 25.

A população de Formosa da Serra Negra deve ficar atenta e mobilizada contra os atos ilícitos finais de Edmilson Santos que tentará de toda maneira, nestes últimos 45(quarenta e cinco)  dias, de uma administração péssima prejudicar a próxima gestão do Dr. Janes Clei de toda maneira. 
Vereadores de Formosa da Serra Negra contra projeto do prefeito derrotado Edmilson Santos

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

FLÁVIO DINO AGENDA ‘ENCONTRO DE PREFEITOS’


Com o objetivo de criar interação e diálogo com os prefeitos eleitos, o governador Flávio Dino (PCdoB) marcou para o dezembro um encontro com os futuros gestores; dos 217 convidados, 204 já confirmaram presença; no encontro também será anunciado o ‘Programa ProMunicipio’, que oferecerá assistência técnica e disponibilizará uma plataforma de dados com informações sobre ações governamentais em cada cidade e convênios estaduais em vigência

Por Secom/MA - Duzentos e quatro prefeitos eleitos confirmaram presença para o encontro com o Governo do Estado, a ser realizado no dia 1º de dezembro. Ao propor a reunião, a gestão estadual, que realizou convite aos 217 municípios, tem por objetivo propiciar um momento de interação com o governador Flávio Dino, num diálogo inicial de apresentação, com os líderes do executivo municipal que atuarão a partir de 1º de janeiro de 2017.

“No dia 25, o governador Flávio Dino e todos os secretários vão coroar um processo de conversas bilaterais, que têm sido feitas pelo Governo com os prefeitos eleitos do Maranhão. Será um momento de apresentar as ações do Governo, apresentar os secretários e os programas para os prefeitos, avaliar a possibilidade de parceria com esses municípios. Enfim, é o momento de integração e alinhamento de ações macro, na integração do estado com os 217 municípios”, destacou o secretário de Estado de Assuntos Políticos e Comunicação Social, Márcio Jerry.

O ‘Encontro de Prefeitos’ reafirma a prática comum da atual gestão do Governo do Maranhão, que é de dialogar com todos os prefeitos, sem distinções políticas partidárias, conferindo igual tratamento a todos os gestores.

Além da apresentação, durante o encontro, também será anunciado o ‘Programa ProMunicipio’, que é um compromisso do governador Flávio Dino, que conta no plano de Governo. Ele oferecerá assistência técnica aos gestores, disponibilizando uma plataforma de dados com informações sobre ações do Governo em cada cidade, sobre convênios estaduais em vigência e outros números usuais aos prefeitos.

Região Metropolitana

Previamente, o governador Flávio Dino reuniu, no último dia 7, com os prefeitos eleitos dos quatro municípios da Ilha – Edivaldo Holanda Junior, de São Luís, Domingos Dutra, de Paço Lumiar, Luís Fernando, de São José de Ribamar, e Thalita Laci, da Raposa. A intenção da reunião foi traçar estratégia para fortalecer políticas públicas entre as quatro cidades, numa ação integrada entre Governo do Estado e Prefeituras.

Também foi discutida a implementação da Região Metropolitana da Grande São Luís, reunindo 13 municípios próximos à capital maranhense, através da execução do que prever a Lei Complementar Estadual nº 174 de 25 de maio de 2015, que cria a região, e poder, assim, aplicar políticas públicas articuladas para atender a população da área, que atualmente chega a cerca de 1,6 milhões de pessoas.

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

GESTORA DO MDS DESABAFA CONTRA ATAQUES AO BOLSA FAMÍLIA


Contra "mentiras" do governo Temer, que denunciou "fraudes" no programa, a pesquisadora e secretária adjunta nacional de Renda de Cidadania do Ministério do Desenvolvimento Social, Letícia Bartholo, diz que "os cruzamentos de cadastros com o cadastro do Bolsa Família (Cadastro Único para Programas Sociais) são realizados desde 2005, anualmente, sempre com aprimoramentos e inovações", e que, "a priori, não são fraudes. São indícios de irregularidade, que devem ser apurados"; ela condena o "crime contra o Brasil" que é feito quando se ataca desta forma o Bolsa Família

Por Letícia Bartholo, secretária adjunta nacional de Renda de Cidadania do MDS, pesquisadora do Centro Internacional de Políticas para o Crescimento Inclusivo (International Policy Centre for Inclusive Growth, IPC-IG) e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Em seu Facebook:

SOBRE MENTIRAS QUE ECOAM CONTRA TODOS NÓS 
ou, sobre como o Estado de São Paulo deseja ruir o Bolsa Família

Mente o editorial do Estado de São Paulo de hoje. Mente, como sói acontecer na imprensa brasileira. E mente contra os pobres. Resumidamente, o editorial acusa o lulopetismo de ter feito sempre descaso em relação ao controle do Bolsa Família, sob a preocupação única de comprar e manter os 40 milhões de votos de pessoas atendidas pelo Programa. Ressalta, então, a importância da atitude correta da gestão atual ao cruzar o cadastro do Bolsa Família com outros cadastros e ter encontrado o que chamam de 1 milhão de fraudes no Programa. Por fim, acusa a incapacidade do Bolsa Família de realmente criar oportunidades de autonomia para as famílias pobres.

Contra mentiras, nos restam somente as provas, e que as solicite pela Lei de Acesso à Informação qualquer cidadão interessado na verdade.

Fato 1: os cruzamentos de cadastros com o cadastro do Bolsa Família (Cadastro Único para Programas Sociais) são realizados desde 2005, anualmente, sempre com aprimoramentos e inovações. O que ocorre este ano não é senão mais uma rodada de aperfeiçoamento, feita por burocratas extremamente competentes e preocupados em manter a qualidade de um programa social que é só dos mais bem avaliados mundialmente;

Fato 2: Não foi fato incomum, durante todos esses anos, milhões de cadastros irem para a chamada malha fina do Bolsa Família. Aliás, essa foi a rotina. Ocorre que, a priori, não são fraudes. São indícios de irregularidade, que devem ser apurados. E não são fraudes, porque qualquer toupeira que trabalhe com pobreza sabe que o grupo de pobres brasileiro se caracteriza, majoritariamente, pela instabilidade de renda. São pobres frequentes, não crônicos. Ou seja: o cara foi pego com um emprego cuja renda não lhe permitiria estar mais no Bolsa Família. Na hora em que você averigua, o cara já perdeu o emprego e está pobre. A mediana de participação dos mais pobres no mercado formal de trabalho é de apenas 8 meses. Sacou a mentira?

Fato 3: o Bolsa Família não auxilia a independência dos mais pobres, diz o editorial. Pois bem, fora o fato de estudos econométricos recentes e robustos identificarem que o Bolsa Família auxilia a manutenção dos mais pobres no mercado de trabalho formal, devemos lembrar uma coisa simples – novamente, simples para qualquer toupeira: criança que não se alimenta bem, tem sua capacidade cognitiva reduzida, aprende mal e segue na trajetória histórica de pobreza. Crianças precisam comer pra aprender, caro Estado de São Paulo.

Fato 4: a criminalização dos pobres, feita pela gestão atual e reverberada pela imprensa, não é um crime contra o Bolsa Família, tampouco contra o Partido dos Trabalhadores. É um crime contra um grupo de burocratas extremamente sérios, que têm carregado o Bolsa Família nas costas em todos estes anos. É um crime contra qualquer projeto de nação que soe mais igualitário. É um crime contra mim, contra você e contra os nossos filhos. É um crime contra quem batalha, dia-a-dia, pela sobrevivência. É um crime contra o Brasil.

Justiça afasta prefeito de São Francisco do Maranhão por falta de pagamento aos servidores

valdino-neponucemo
Blog Marrapá - A juíza Flávia Pereira da Silva Barçante determinou o afastamento imediato do prefeito de São Francisco do Maranhão, Valdivino Alves Nepomuceno, até o final de seu mandato, e a indisponibilidade dos bens do gestor. A decisão é em função de uma Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa devido aos atrasos no pagamento dos salários dos servidores públicos municipais desde dezembro de 2015.

A ação foi motivada devido a denúncias apresentadas pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Francisco do Maranhão (Sipusfma), relatando que o Município pagava o salário atrasado de um mês, mas no mês seguinte, a situação se repetia. De acordo com o promotor de justiça, Carlos Pinto de Almeida, a maioria dos servidores não recebeu os salários dos meses de agosto e setembro e também não há perspectiva de pagamento do salário do mês de outubro, que deveria ser pago até 10 de novembro. Ainda segundo ele, antes do ajuizamento da ação, sob a coordenação do MPMA, foram realizadas várias reuniões com representantes do sindicato de servidores e da administração municipal, com o objetivo de regularizar o pagamento dos salários.

“Sacrificar salários dos servidores durante um ano quase inteiro, com atrasos que chegam a quase três meses, sem justificativa razoável, mais do que ilegal, é um ato de improbidade admini
strativa”, ressaltou o promotor, na ACP.

A decisão estabelece, ainda, a posse do vice-prefeito Elson Aires Barbosa no comando do município, após sessão solene na Câmara Municipal.

Zé Doca – Justiça determina bloqueio de recursos do município relativos ao FUNDEB

prefeito-de-ze-doca

Bloqueio deve durar enquanto houver salários de servidores municipais em atraso

Decisão assinada pela juíza Leoneide Delfina Barros Amorim, titular da 2ª vara da comarca de Zé Doca, determinou o bloqueio de 100% (cem por cento) dos recursos depositados nas contas bancárias do município relativos ao FUNDEB. O bloqueio deve durar enquanto houver salários de servidores municipais em atraso, consta da decisão. Ainda de acordo com a decisão, o secretário de administração municipal deve encaminhar à agência do BB de Zé Doca a folha de pagamento de todos os servidores efetivos vinculados à Secretaria de Educação, os respectivos contracheques e folhas suplementares necessárias, detalhando os valores das mesmas (folhas) para efetivação do pagamento a débito das contas bloqueadas. A multa diária para o não cumprimento da decisão é de R$ 2 mil (dois mil reais), além de responsabilização penal por crime de desobediência em desfavor do secretário de Administração.

Blog do Luís Cardoso - No prazo máximo de 48 horas após a apresentação das folhas, o gerente da agência bancária (BB) deve proceder ao pagamento dos servidores municipais efetivos em atraso, vinculados à Secretaria de Educação. “Até que haja pagamento de todos os salários em atraso, o bloqueio de eventuais valores remanescentes será mantido, bem como daqueles posteriormente creditados durante os próximos meses”, junto à instituição bancária (BB). A multa diária para o não cumprimento das determinações é de R$ 5 mi (cinco mil reais). A responsabilização por crime de desobediência também é prevista para o caso de descumprimento. O gerente da instituição bancária deve ainda abster-se de acatar qualquer pagamento que comprometa as quantias bloqueadas, reza a decisão.

Risco de greve – A decisão judicial atende à Ação Civil Pública interposta pelo Ministério Público Estadual com pedido de tutela de urgência em face do Município de Zé Doca em razão do não pagamento dos servidores integrantes da educação municipal referente ao mês de setembro de 2016. e que deveria ter sido efetuado até o dia 05 de outubro do corrente. Segundo o MPE, o atraso salarial teria atingido 545 (quinhentos e quarenta e cinco) servidores efetivos de quatro categorias: apoio (vigias e auxiliares de serviços gerais), professores de ensino fundamental com carga horária de 40h e professores de educação básica com carga horária de 20h e 40h. O MPE destaca ainda os inúmeros prejuízos causados aos servidores municipais em decorrência do atraso salarial, uma vez que possuem caráter alimentar, bem como as dificuldades financeiras e privações que importam na violação à dignidade humana, e ressalta o risco iminente de greve e de abandono de postos de trabalho pelos citados servidores.

Em manifestação, o Município alegou que os salários atrasados relativos ao mês de setembro teriam sido pagos no dia 27 de outubro, pagamento esse constatado pelo MPE, que também verificou atraso no pagamento do mês de outubro.

Novo atraso salarial – Citando informações do Ministério Público em manifestações, a magistrada afirma que o Município comprovou o pagamento dos servidores referente ao mês de setembro, mas incorreu em novo atraso salarial. A juíza ressalta ainda ser o referido atraso de amplo conhecimento na localidade.

Para a magistrada, no que concerne ao perigo da demora na prestação jurisdicional, diversos servidores do Município, desde o mês de outubro de 2016, não vêm recebendo salários na data de pagamento prevista, qual seja, até o dia 05 de cada mês, data estipulada pelo art.111 da Lei Orgânica Municipal.

Sobrevivência – Destacando a não informação nos autos que os salários do mês de outubro tenham sido pagos, o que ameaça a sobrevivência desses servidores, de suas famílias e outras pessoas que deles dependam economicamente, Leoneide Amorim observa que “as verbas constitucionais estão sendo repassadas regularmente ao Município, embora com decréscimo em seu montante, o que revela a inexistência de motivos plausíveis que pudessem ensejar ou justificar o atraso ou o não pagamento integral dos servidores”.

Na visão da juíza, os servidores não devem ser privados do mínimo essencial para garantir a sustentação deles mesmos e das respectivas famílias, “demandando do ente público, face o público e notório quadro de crise financeira que assola a nação, pelo menos o pagamento parcial da verba salarial, em sendo evidenciada a real incapacidade financeira do erário municipal em honrar a integralidade dos vencimentos em atraso dos servidores”.

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Clinica "OdontoArruda" completa 05 anos de atividade com café da manhã para clientes e amigos em Formosa da Serra Negra


A Clínica "OdontoArruda" de propriedade do cirurgião dentista Manoel Altino M. Arruda completou,  nesta terça-feira(15), cinco anos de existência em Formosa da Serra Negra com um grande café da manhã para clientes e amigos além de distribuição de presentes pela fidelidade de parceiros ao longo desta existência de sucesso dentro do segmento da saúde bucal.
Clínica "OdontoArruda"  oferece dentro do tratamento bucal as especialidades de clínica geral e ortodontia para toda Região do Alto Grajaú e neste cinco anos de existência profícua sob a responsabilidade do Dr. Manoel Altino tem oferecido aos seus pacientes as melhores técnicas de tratamento dentário associadas ao que há de mais moderno dentro do ramo da  odontologia.
Dr. Manoel Altino tem sido um visionário e um cirurgião dentista que a cada dia tem se especializado ainda mais para oferecer o que há de mais moderno e contemporâneo no tratamento bucal em Formosa da Serra Negra e toda região daí a sua alegria de ver este empreendimento cada vez mais sendo aceito pela população e pelos amigos que o procuram a cada momento.

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Famem reúne prefeitos para discutir transição e início de governo

famem

Prefeitos e prefeitas maranhenses estarão reunidos esta semana, em São Luís, discutindo e recebendo informações importantes sobre o processo de transição municipal e medidas a serem adotadas nos primeiros meses de governo.

Trata-se do seminário “Novos Gestores – Transição Municipal e Início de Governo”, inciativa promovida pela Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM) e que acontece na quinta-feira (17) e sexta-feira (18) no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA).

A programação do seminário, cuja abertura solene acontece às 18h de quinta-feira e contará com as participações de várias autoridades, está disponível no www.famem.org.br

As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas no local do evento. Além de prefeitas e prefeitos, irão participar técnicos municipais que estarão trabalhando nas administrações municipais a partir de janeiro de 2017.

De acordo com o presidente da FAMEM, prefeito Gil Cutrim (São José de Ribamar), o seminário funcionará como um amplo fórum de debates e também servirá para dirimir qualquer tipo de dúvida que o gestor e sua equipe tenham sobre a transição municipal.

“Durante todo o mês de outubro, muitos prefeitos e prefeitas, entre eleitos e reeleitos, nos procuraram, na sede da entidade municipalista, solicitando informações e apoio para realizar a transição municipal, processo que é determinado pela Constituição Estadual. Percebemos que muitos destes gestores, neste momento, ainda, sequer, iniciaram este trabalho. Por conta disso, resolvemos realizar o seminário, que terá uma programação muito técnica, com palestrantes renomados, abordando a transição, início de governo e outros temas, tais como prestação de contas e Lei de Responsabilidade Fiscal”, explicou.

Além das palestras técnicas, os gestores receberão da Federação uma cartilha elaborada pelo setor jurídico da entidade e que aponta o passo à passo na transição municipal.

São parceiros da Federação na realização do evento o Governo do Estado, Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/Ma), Assembleia Legislativa, Confederação Nacional dos Municípios (CNM), UNDIME, COSEMS, FIEMA e Ministério Público Estadual.

Blog do Clodoaldo Corrêa

Cunhado é apontado como suspeito da morte da sobrinha de José Sarney


page
Empresário Lucas Porto, e Mariana Costa, vítima de estrangulamento
O empresário Lucas Porto, cuja família é proprietária da Planta Engenharia, está sendo apontado como principal suspeito do assassinato da jovem Mariana Costa, de 33 anos, no final da tarde desse domingo, 13. Mariana era sobrinha‐neta do ex‐presidente da República, o senador José Sarney.

A jovem foi encontrada em casa, no bairro do Turu, pelas filhas, despida e com sinais de asfixia.

De acordo com a polícia, ela foi levada ainda com vida para um hospital da cidade, mas não resistiu. O marido da vítima, Marcos Renato, filho do empresário José Renato, dos Laticínios São José, estaria em uma festa de aniversário no momento do crime, deixando de ser, assim, apontado como o principal suspeito da ação criminosa.

Segundo informações ainda não confirmadas, Lucas Porto, casado com a irmã de Mariana, já teria sido levado para a Penitenciária de Pedrinhas.

O corpo da jovem foi liberado do Instituto Médico Legal por volta das 4h da manhã desta segunda. O crime está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da capital.


Com Informações do Blog do Neto Ferreira

domingo, 13 de novembro de 2016

Urgente: Acabaram de encontrar a sobrinha do ex-presidente José Sarney morta dentro de casa

Mariana Costa

Mariana Costa, filha de Sarney Neto, foi encontrada por volta das 20:30 morta em sua residência localizada no bairro do olho D’Água. A vítima era bisneta do ex-presidente José Sarney.

A Polícia trabalha com a hipótese de latrocínio, roubo seguido de morte. Mariana era nora do empresário e dono do Laticínios São José. O inquérito está sendo feito e até agora a Polícia não divulgou o nome do suspeito da morte de Mariana.

Blog do Luís Cardoso

Urgente: Acabaram de encontrar a sobrinha do ex-presidente José Sarney morta dentro de casa

Mariana Costa

Mariana Costa, filha de Sarney Neto, foi encontrada por volta das 20:30 morta em sua residência localizada no bairro do olho D’Água. A vítima era bisneta do ex-presidente José Sarney.

A Polícia trabalha com a hipótese de latrocínio, roubo seguido de morte. Mariana era nora do empresário e dono do Laticínios São José. O inquérito está sendo feito e até agora a Polícia não divulgou o nome do suspeito da morte de Mariana.

Blog do Luís Cardoso

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Quase 1(hum) milhão de reais são repassados a Prefeitura de Formosa da Serra Negra de recursos de repatriação

Resultado de imagem para formosa da serra negra

Entrou ontem(10) na conta da Prefeitura de Formosa da Serra Negra a bagatela de R$ 858.031,30 dinheiro oriundo da repatriação vindo do Governo Federal.

O valor  da repatriação que chegou a Formosa da Serra Negra, nesta quinta-feira(10), ou seja R$ 858.031,30,  deveria servir para atualizar a folha de pagamento do funcionalismo público municipal em atraso no município, bem como, os fornecedores que ainda tem o que receber neste final de mandato do Sr. Edmilson Santos.

O medo da população de Formosa da Serra Negra é que este recurso  que foi repassado ao município ontem (11) seja mais uma vez desviado para outros fins como pagamento de conta da última campanha eleitoral do prefeito perdedor ou para compra de Hilux ou outros bens por parte do gestor atual e sua turma política com forma de lavagem deste dinheiro federal.

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

MPMA requer perda de bens adquiridos com desvio

images-cms-image-000505332

Em denúncia ajuizada no dia 27 de outubro, o Ministério Público do Maranhão (MPMA) pediu à Justiça que determine a perda dos bens dos ex-secretários de estado da Fazenda Cláudio José Trinchão Santos e Akio Valente Wakiyama, adquiridos com o produto do desvio de recursos públicos nas operações ilegais executadas por eles na Sefaz.

O titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica de São Luís, Paulo Roberto Barbosa Ramos, solicitou ao Poder Judiciário que arbitre valor de reparação dos danos causados pelas infrações, com base no Código de Processo Penal, no montante do valor envolvido, que é de R$ 410 milhões.

O MPMA constatou que os dois ex-gestores concederam regimes especiais tributários sem observância da legislação e sem publicidade no banco de dados da Sefaz. Foram assinadas 33 concessões de regimes especiais cumuladas com atos de inclusão de empresas e renovação de regime sem observação da legislação pertinente e publicidade, beneficiando 190 empresas. Desse total, 20 atos foram assinados por Trinchão, oito por Wakiyama e cinco por ambos.

O promotor de justiça, na denúncia, destacou que os regimes especiais foram concedidos sem nenhum estudo econômico com justificativa de possíveis resultados compensatórios, a exemplo de promoção de emprego, renda e arrecadação no Estado.

“Além disso, foi evidenciado que foram concedidos regimes especiais de toda ordem, inclusive retirando determinadas empresas do regime de substituição tributária e concedendo a essas empresas crédito presumido em operações não previstas em lei”, afirmou Barbosa Ramos.

Blog do John Cutrim

Mensagem do Dr. Janes Clei ao povo de Formosa da Serra Negra pela passagem dos 20 anos de emancipação política


Parabéns, Formosa da Serra Negra! 

De um sonho a uma realidade. Um dia muito jovem, muito sonhador: sonhei em dar mais cores, mais esperanças, mais saúde , educação e mais qualidade de vida a todos deste município. Ali naquele momento era só um sonho. Junto com o povo passei por diversos momentos. Momentos alegres, momentos de luta e em alguns até de tristeza. Deus traçou o destino e o futuro chegou. Hoje tenho certeza da minha responsabilidade. Tenho certeza também que não será fácil. Mas, sobretudo, tenho certeza que sou capaz. Agora sim serei capaz de lutar por melhores dias para o povo e por mais melhorias em infraestrutura para nossa Formosa, pois o povo deste município me concedeu esta oportunidade e esse poder. Querida Formosa, cidade nova, delicada, bela, feita por pessoas humildes, porém sinceras. Dias melhores virão. Parabéns, Formosa. Parabéns a todos. Forte abraço!

Dr. Janes Clei - Prefeito Eleito de Formosa da Serra Negra - MA.

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Prefeito eleito de Formosa da Serra Negra Dr. Janes Clei participa de seminário em Brasília

Novos Prefeitos do Maranhão (Dr. Janes Clei de Formosa da Serra Negra, Aleandro Passarinho de Fortaleza dos Nogueiras, Laércio de lago da Pedra e Robert de Tasso Fragoso ), viajando a Brasília para participarem de Seminário da CNM

O Prefeito eleito de Formosa da Serra Negra, Dr. Janes Clei(PDT), estará participando em Brasília a convite da CNM(Confederação Nacional de Municípios) do Seminário "Novos Gestores - 2017 - 2020 - PONTO DE PARTIDA PARA UMA GESTÃO DE QUALIDADE" que ocorrerá de hoje(09) a sexta-feira(11).

O seminário da CNM(Confederação Nacional de Municípios) para os novos gestores municipais em Brasília apresentará uma programação diversificada para os prefeitos eleitos em outubro tendo como foco a gestão de qualidade para os próximos quatro anos  e a apresentação de parceiros que atuam nos municípios brasileiros com projetos e serviços de assessoria como é o caso da Caixa Econômica e do sistema Positivo.

Dr. Janes Clei além de participar do Seminário: "Novos Gestores - 2017 - 2020 - PONTO DE PARTIDA PARA UMA GESTÃO DE QUALIDADE" estará mantendo novos contatos com políticos do Maranhão e Ministérios para viabilizar a partir de janeiro de 2017 novos convênios nas áreas de saúde, educação e infraestrutura.

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Próximo Secretário de Saúde de Formosa da Serra Negra já começa a trabalhar antes da posse

Ex-Prefeito de Formosa da Serra Negra, Cláudio Vale,  próximo Secretário de Saúde,  Cláudio Júnior e  o médico-cirurgião, Dr. Gildásio Chaves

Autorizado pelo Prefeito Eleito de Formosa da Serra Negra, Dr. Janes Clei (PDT), o próximo secretário de saúde do município bioquímico Cláudio Júnior se reuniu, nesta terça-feira(08),  com o cirurgião Dr. Gildásio Chaves, discutindo a possibilidade do médico disponibilizar alguns dos seus plantões para atender a pacientes a partir de Janeiro/2017 na própria cidade.

Na conversa, desta terça-feira(08), ficou acertado entre o próximo Secretário de Saúde de Formosa Cláudio Júnior e Dr. Gildásio Chaves uma escala de plantões já para o mês de Janeiro próximo, pois este sempre foi o desejo do Dr. Janes Clei começar sua administração dando condições para que os cidadãos do município tenha um atendimento médico-cirúrgico de qualidade logo nos primeiros dias da sua gestão. 

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Veja quanto cada município do Maranhão vai receber dos recursos da repatriação


O Governo Federal conseguiu amealhar recursos da ordem de R$ 50,9 bilhões repatriando dinheiro que estava depositado irregularmente no exterior. Desse montante, a União ficou com R$ 38 bilhões, dividindo o restante entre estados e municípios.

Veja aqui com quanto cada um dos municípios maranhenses foi contemplado

Açailândia/MA MA . Nordeste 2.288.083,47

Afonso Cunha/MA MA . Nordeste 429.015,65

Água Doce do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87

Alcântara/MA MA . Nordeste 858.031,30

Aldeias Altas/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Altamira do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87

Alto Alegre do Maranhão/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Alto Alegre do Pindaré/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Alto Parnaíba/MA MA . Nordeste 572.020,87

Amapá do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Amarante do Maranhão/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Anajatuba/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Anapurus/MA MA . Nordeste 715.026,09

Apicum-Açu/MA MA . Nordeste 858.031,30

Araguanã/MA MA . Nordeste 715.026,09

Araioses/MA MA . Nordeste 1.430.052,17

Arame/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Arari/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Axixá/MA MA . Nordeste 572.020,87

Bacabal/MA MA . Nordeste 2.288.083,47

Bacabeira/MA MA . Nordeste 715.026,09

Bacuri/MA MA . Nordeste 858.031,30

Bacurituba/MA MA . Nordeste 429.015,65

Balsas/MA MA . Nordeste 2.145.078,26

Barão de Grajaú/MA MA . Nordeste 858.031,30

Barra do Corda/MA MA . Nordeste 2.002.073,04

Barreirinhas/MA MA . Nordeste 1.573.057,39

Bela Vista do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87

Belágua/MA MA . Nordeste 429.015,65

Benedito Leite/MA MA . Nordeste 429.015,65

Bequimão/MA MA . Nordeste 858.031,30

Bernardo do Mearim/MA MA . Nordeste 429.015,65

Boa Vista do Gurupi/MA MA . Nordeste 429.015,65

Bom Jardim/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Bom Jesus das Selvas/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Bom Lugar/MA MA . Nordeste 715.026,09

Brejo de Areia/MA MA . Nordeste 429.015,65

Brejo/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Buriti Bravo/MA MA . Nordeste 858.031,30

Buriti/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Buriticupu/MA MA . Nordeste 1.716.062,60

Buritirana/MA MA . Nordeste 715.026,09

Cachoeira Grande/MA MA . Nordeste 429.015,65

Cajapió/MA MA . Nordeste 572.020,87

Cajari/MA MA . Nordeste 858.031,30

Campestre do Maranhão/MA MA . Nordeste 715.026,09

Cândido Mendes/MA MA . Nordeste 858.031,30

Cantanhede/MA MA . Nordeste 858.031,30

Capinzal do Norte/MA MA . Nordeste 572.020,87

Carolina/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Carutapera/MA MA . Nordeste 858.031,30

Caxias/MA MA . Nordeste 5.561.873,67

Cedral/MA MA . Nordeste 572.020,87

Central do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Centro do Guilherme/MA MA . Nordeste 572.020,87

Centro Novo do Maranhão/MA MA . Nordeste 858.031,30

Chapadinha/MA MA . Nordeste 1.859.067,82

Cidelândia/MA MA . Nordeste 715.026,09

Codó/MA MA . Nordeste 2.431.088,69

Coelho Neto/MA MA . Nordeste 1.430.052,17

Colinas/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Conceição do Lago-Açu/MA MA . Nordeste 715.026,09

Coroatá/MA MA . Nordeste 1.716.062,60

Cururupu/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Davinópolis/MA MA . Nordeste 572.020,87

Dom Pedro/MA MA . Nordeste 858.031,30

Duque Bacelar/MA MA . Nordeste 572.020,87

Esperantinópolis/MA MA . Nordeste 858.031,30

Estreito/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Feira Nova do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Fernando Falcão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Formosa da Serra Negra/MA MA . Nordeste 858.031,30

Fortaleza dos Nogueiras/MA MA . Nordeste 572.020,87

Fortuna/MA MA . Nordeste 715.026,09

Godofredo Viana/MA MA . Nordeste 572.020,87

Gonçalves Dias/MA MA . Nordeste 858.031,30

Governador Archer/MA MA . Nordeste 572.020,87

Governador Edison Lobão/MA MA . Nordeste 858.031,30

Governador Eugênio Barros/MA MA . Nordeste 715.026,09

Governador Luiz Rocha/MA MA . Nordeste 429.015,65

Governador Newton Bello/MA MA . Nordeste 429.015,65

Governador Nunes Freire/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Graça Aranha/MA MA . Nordeste 429.015,65

Grajaú/MA MA . Nordeste 1.716.062,60 2/6

Guimarães/MA MA . Nordeste 572.020,87

Humberto de Campos/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Icatu/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Igarapé do Meio/MA MA . Nordeste 715.026,09

Igarapé Grande/MA MA . Nordeste 572.020,87

Imperatriz/MA MA . Nordeste 5.561.873,67

Itaipava do Grajaú/MA MA . Nordeste 715.026,09

Itapecuru Mirim/MA MA . Nordeste 1.716.062,60

Itinga do Maranhão/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Jatobá/MA MA . Nordeste 429.015,65

Jenipapo dos Vieiras/MA MA . Nordeste 715.026,09

João Lisboa/MA MA . Nordeste 858.031,30

Joselândia/MA MA . Nordeste 715.026,09

Junco do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Lago da Pedra/MA MA . Nordeste 1.430.052,17

Lago do Junco/MA MA . Nordeste 572.020,87

Lago dos Rodrigues/MA MA . Nordeste 429.015,65

Lago Verde/MA MA . Nordeste 715.026,09

Lagoa do Mato/MA MA . Nordeste 572.020,87

Lagoa Grande do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87

Lajeado Novo/MA MA . Nordeste 429.015,65

Lima Campos/MA MA . Nordeste 572.020,87

Loreto/MA MA . Nordeste 572.020,87

Luís Domingues/MA MA . Nordeste 429.015,65

Magalhães de Almeida/MA MA . Nordeste 858.031,30

Maracaçumé/MA MA . Nordeste 858.031,30

Marajá do Sena/MA MA . Nordeste 429.015,65

Maranhãozinho/MA MA . Nordeste 715.026,09

Mata Roma/MA MA . Nordeste 715.026,09

Matinha/MA MA . Nordeste 858.031,30

Matões do Norte/MA MA . Nordeste 715.026,09

Matões/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Milagres do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Mirador/MA MA . Nordeste 858.031,30

Miranda do Norte/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Mirinzal/MA MA . Nordeste 715.026,09

Monção/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Montes Altos/MA MA . Nordeste 429.015,65

Morros/MA MA . Nordeste 858.031,30

Nina Rodrigues/MA MA . Nordeste 715.026,09

Nova Colinas/MA MA . Nordeste 429.015,65

Nova Iorque/MA MA . Nordeste 429.015,65 3/6

Nova Olinda do Maranhão/MA MA . Nordeste 858.031,30

Olho d’Água das Cunhãs/MA MA . Nordeste 858.031,30

Olinda Nova do Maranhão/MA MA . Nordeste 715.026,09

Paço do Lumiar/MA MA . Nordeste 2.431.088,69

Palmeirândia/MA MA . Nordeste 858.031,30

Paraibano/MA MA . Nordeste 858.031,30

Parnarama/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Passagem Franca/MA MA . Nordeste 858.031,30

Pastos Bons/MA MA . Nordeste 858.031,30

Paulino Neves/MA MA . Nordeste 715.026,09

Paulo Ramos/MA MA . Nordeste 858.031,30

Pedreiras/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Pedro do Rosário/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Penalva/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Peri Mirim/MA MA . Nordeste 715.026,09

Peritoró/MA MA . Nordeste 858.031,30

Pindaré-Mirim/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Pinheiro/MA MA . Nordeste 1.859.067,82

Pio XII/MA MA . Nordeste 858.031,30

Pirapemas/MA MA . Nordeste 858.031,30

Poção de Pedras/MA MA . Nordeste 858.031,30

Porto Franco/MA MA . Nordeste 858.031,30

Porto Rico do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Presidente Dutra/MA MA . Nordeste 1.430.052,17

Presidente Juscelino/MA MA . Nordeste 572.020,87

Presidente Médici/MA MA . Nordeste 429.015,65

Presidente Sarney/MA MA . Nordeste 858.031,30

Presidente Vargas/MA MA . Nordeste 572.020,87

Primeira Cruz/MA MA . Nordeste 715.026,09

Raposa/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Riachão/MA MA . Nordeste 858.031,30

Ribamar Fiquene/MA MA . Nordeste 429.015,65

Rosário/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Sambaíba/MA MA . Nordeste 429.015,65

Santa Filomena do Maranhão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Santa Helena/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Santa Inês/MA MA . Nordeste 2.002.073,04

Santa Luzia do Paruá/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Santa Luzia/MA MA . Nordeste 1.716.062,60

Santa Quitéria do Maranhão/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Santa Rita/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Santana do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87 4/6

Santo Amaro do Maranhão/MA MA . Nordeste 715.026,09

Santo Antônio dos Lopes/MA MA . Nordeste 715.026,09

São Benedito do Rio Preto/MA MA . Nordeste 858.031,30

São Bento/MA MA . Nordeste 1.430.052,17

São Bernardo/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

São Domingos do Azeitão/MA MA . Nordeste 429.015,65

São Domingos do Maranhão/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

São Félix de Balsas/MA MA . Nordeste 429.015,65

São Francisco do Brejão/MA MA . Nordeste 572.020,87

São Francisco do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87

São João Batista/MA MA . Nordeste 858.031,30

São João do Carú/MA MA . Nordeste 715.026,09

São João do Paraíso/MA MA . Nordeste 572.020,87

São João do Soter/MA MA . Nordeste 858.031,30

São João dos Patos/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

São José de Ribamar/MA MA . Nordeste 5.561.873,67

São José dos Basílios/MA MA . Nordeste 429.015,65

São Luís Gonzaga do Maranhão/MA MA . Nordeste 858.031,30

São Luís/MA MA Sim Nordeste 30.329.713,98

São Mateus do Maranhão/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

São Pedro da Água Branca/MA MA . Nordeste 572.020,87

São Pedro dos Crentes/MA MA . Nordeste 429.015,65

São Raimundo das Mangabeiras/MA MA . Nordeste 858.031,30

São Raimundo do Doca Bezerra/MA MA . Nordeste 429.015,65

São Roberto/MA MA . Nordeste 429.015,65

São Vicente Ferrer/MA MA . Nordeste 858.031,30

Satubinha/MA MA . Nordeste 572.020,87

Senador Alexandre Costa/MA MA . Nordeste 572.020,87

Senador La Rocque/MA MA . Nordeste 715.026,09

Serrano do Maranhão/MA MA . Nordeste 572.020,87

Sítio Novo/MA MA . Nordeste 858.031,30

Sucupira do Norte/MA MA . Nordeste 572.020,87

Sucupira do Riachão/MA MA . Nordeste 429.015,65

Tasso Fragoso/MA MA . Nordeste 429.015,65

Timbiras/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Timon/MA MA . Nordeste 5.561.873,67

Trizidela do Vale/MA MA . Nordeste 858.031,30

Tufilândia/MA MA . Nordeste 429.015,65

Tuntum/MA MA . Nordeste 1.287.046,95

Turiaçu/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Turilândia/MA MA . Nordeste 1.001.036,52

Tutóia/MA MA . Nordeste 1.573.057,39 5

Urbano Santos/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Vargem Grande/MA MA . Nordeste 1.573.057,39

Viana/MA MA . Nordeste 1.573.057,39

Vila Nova dos Martírios/MA MA . Nordeste 572.020,87

Vitória do Mearim/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Vitorino Freire/MA MA . Nordeste 1.144.041,74

Zé Doca/MA MA . Nordeste 1.430.052,17 

Total 237.625.959,51

Blog do Domingos Costa